Categorias: Colunas

Google Pay – A maneira de pagar definitiva?

A Google continua avançando de forma silenciosa com seu sistema de pagamentos e apostando na facilidade de sua ferramenta como premissa para consolidar-se no mercado, um mercado com já muitos concorrentes. Será que a opção da Google tem chances?

Nos últimos meses muitas novidades foram entregues ao Google Pay sem grandes alarmes, primeiro que o sistema de pagamento já está presente em diversos players interessantes, como o Ifood, Hotel Urbano, Recarga Pay, Magazine Luiza, Carrefour, Sony, Kalunga e recentemente até no Ebanx, permitindo que você pague compras de empresas que usem o usem como gateway de pagamento, tais como Wish, Aliexpress e muitas outras.

Em segundo lugar, o Google Pay tem se colocado presente na vida do usuário de forma sucinta, por exemplo, se hoje você usar o Google Chrome e tiver cadastrado um único cartão no Google Pay (Ou simplesmente na PlayStore que está integrada ao GPay), o navegador da Google é capaz de identificar lojas virtuais que estejam pedindo o preenchimento do cartão de crédito e oferecer a você, o preenchimento automático dessa informação, bastando digitar apenas o código de segurança como camada adicional de prevenção de fraudes.

Mas não somente isso, perante outras opções o Google Pay ainda sai a frente em facilidade, se você usar um produto da Google é costumeiro que tenha sua sessão sempre conectada em seu smartphone ou laptop, desta forma, ao efetuar um pagamento com o Google Pay, tudo que você precisa fazer é confirmar a operação. Ao contrário de outras opções, que por não terem esse viés dos serviços da gigante de Mountain View, acabam exigindo passos adicionais, como a digitação de login e senha.

E a aposta em simplicidade e facilidade, também se mostram ao estar integrado com o Gmail e permitir o pagamento ou cobrança de uma conta através de uma mensagem, suportar o PayPal internamente como forma de pagamento.

Ao final, o Google Pay também é compatível com NFC e serve como pagamento em lojas físicas, concorrendo com opções como o Santander Pass, Apple Pay e Samsung Pay.

Ao final, sim, o Google Pay tem total capacidade de concorrer e colocar-se como uma das principais opções de pagamento, o serviço inclusive tem feito isso aos poucos e o usuário acaba o encontrando, sem ter que o procurar. A opção tem vantagem a concorrência, devido a integração com a conta Google e a Play Store, mas não o bastante, ainda tem unido os dois mundos que é o digital e físico, portanto para nós fica o gosto de ver como a ferramenta continuará crescendo e como irá fomentar ainda mais este mercado.

Disqus Comments Loading...
Compartilhar
Tags: Google

Matérias Recentes

Kemp Technologies é selecionada parceira Dell EMC

A Kemp Technologies, anunciou sua validação como parceira Dell EMC. A Kemp vai acelerar a distribuição de implementações da plataforma… Leia mais

8 horas ago

Sensor biométrico da HID é o primeiro a ter todos os requisitos de segurança da Colombia

A HID Global divulgou que o modelo de sensor multiespectral Lumidigm® V421-NC-01, recebeu no início de 2019 a homologação do… Leia mais

14 horas ago

Mozilla apresenta novo logotipo e estratégia para o Firefox

A Mozilla tem planejado uma reestruturação completa para a marca Firefox, e quando falamos em marca é justamente porque não… Leia mais

1 dia ago

Tema escuro na MIUI Android? Conheça os melhores temas

Apesar da MIUI ainda não contar com um tema escuro nativo, sendo este um recurso previsto para a próxima versão… Leia mais

6 dias ago

A ascensão dos ciberataques: os cibercriminosos estão no controle?

A cada ano, o número de ciberataques aumenta. Só em 2018 registrou-se aumento de 217,5% nestes ataques, se não conseguirmos… Leia mais

1 semana ago

Como ter uma loja de aplicativos snap no Manjaro

Já ensinamos aqui no Linux Centro como habilitar o suporte dos pacotes snap no Manjaro e aumentar significamente o seu… Leia mais

1 semana ago

Utilizamos de cookies e outras tecnologias, para personalizarmos os conteúdos e a publicidade, oferecermos os botões sociais e analisar o tráfego