Categorias: Colunas

Google Pay – A maneira de pagar definitiva?

A Google continua avançando de forma silenciosa com seu sistema de pagamentos e apostando na facilidade de sua ferramenta como premissa para consolidar-se no mercado, um mercado com já muitos concorrentes. Será que a opção da Google tem chances?

Nos últimos meses muitas novidades foram entregues ao Google Pay sem grandes alarmes, primeiro que o sistema de pagamento já está presente em diversos players interessantes, como o Ifood, Hotel Urbano, Recarga Pay, Magazine Luiza, Carrefour, Sony, Kalunga e recentemente até no Ebanx, permitindo que você pague compras de empresas que usem o usem como gateway de pagamento, tais como Wish, Aliexpress e muitas outras.

Em segundo lugar, o Google Pay tem se colocado presente na vida do usuário de forma sucinta, por exemplo, se hoje você usar o Google Chrome e tiver cadastrado um único cartão no Google Pay (Ou simplesmente na PlayStore que está integrada ao GPay), o navegador da Google é capaz de identificar lojas virtuais que estejam pedindo o preenchimento do cartão de crédito e oferecer a você, o preenchimento automático dessa informação, bastando digitar apenas o código de segurança como camada adicional de prevenção de fraudes.

Mas não somente isso, perante outras opções o Google Pay ainda sai a frente em facilidade, se você usar um produto da Google é costumeiro que tenha sua sessão sempre conectada em seu smartphone ou laptop, desta forma, ao efetuar um pagamento com o Google Pay, tudo que você precisa fazer é confirmar a operação. Ao contrário de outras opções, que por não terem esse viés dos serviços da gigante de Mountain View, acabam exigindo passos adicionais, como a digitação de login e senha.

E a aposta em simplicidade e facilidade, também se mostram ao estar integrado com o Gmail e permitir o pagamento ou cobrança de uma conta através de uma mensagem, suportar o PayPal internamente como forma de pagamento.

Ao final, o Google Pay também é compatível com NFC e serve como pagamento em lojas físicas, concorrendo com opções como o Santander Pass, Apple Pay e Samsung Pay.

Ao final, sim, o Google Pay tem total capacidade de concorrer e colocar-se como uma das principais opções de pagamento, o serviço inclusive tem feito isso aos poucos e o usuário acaba o encontrando, sem ter que o procurar. A opção tem vantagem a concorrência, devido a integração com a conta Google e a Play Store, mas não o bastante, ainda tem unido os dois mundos que é o digital e físico, portanto para nós fica o gosto de ver como a ferramenta continuará crescendo e como irá fomentar ainda mais este mercado.

Disqus Comments Loading...
Compartilhar
Tags: Google

Matérias Recentes

Cartão de crédito Méliuz – Cashback em todas as compras – Vale a pena?

Já faz algum tempo que o Méliuz, serviço de cashback em compras, se quer saber mais sobre ele clique aqui,… Leia mais

1 dia ago

Ame Digital – A evolução da conta digital da Americanas e Submarino

O Ame nasceu como uma solução própria do grupo B2W, responsável pela Americanas, Shoptime, Submarino e Sou Barato, para fidelização… Leia mais

2 dias ago

Alfred – O aplicativo para fãs de cinema

Alfred é uma rede social para aqueles que são fãs de cinema, controlado e desenvolvido pela FlixMedia, sua proposta é… Leia mais

2 dias ago

O Que Todo Mundo Precisa Saber sobre Segurança no Linux

Muitas pessoas consideram os sistemas Linux como sendo mais seguros e, em alguns casos, até mesmo “imunes” aos principais vírus… Leia mais

2 semanas ago

C6 Bank – Vale a pena usar o rival do Nubank?

C6 Bank é a nova fintech que pretende concorrer com Inter, Nubank, Neon e outros players o mercado de banco… Leia mais

2 semanas ago

A Internet das Coisas vai revolucionar o cotidiano

Primeiramente vamos deixar claro o que é a IoT, ou Internet das Coisas. Trata-se de um conceito sobre objetos do… Leia mais

3 semanas ago

Utilizamos de cookies e outras tecnologias, para personalizarmos os conteúdos e a publicidade, oferecermos os botões sociais e analisar o tráfego