Categorias: Curiosidades

Banco Neon – O que aconteceu com a fintech?

Nesta sexta-feira uma noticia causou muito tumulto entre os brasileiros, o Banco Neon teve sua liquidez decretada pelo Banco Central, encerrando suas operações imediatamente e deixando 600 mil clientes extremamente preocupados.

O Neon é uma das atuais fintechs que aposta em uma reformulação bancária, sendo um competidor direto do Nubank, Banco Original, Banco Inter, SuperDigital e assim por diante, mas afinal, o que aconteceu com a empresa?

O Banco Neon era a parceria de duas empresas, o Banco Pottencial, criado em 1994, e a fintech Control.ly, em uma join venture as duas criaram o Banco Neon e para facilitar para o cliente, mudaram seus nomes, o Pottencial passou a chamar-se de Banco Neon S/A e a Control.ly adotou o nome de Neon pagamentos, apesar da parceria e ambas usarem o nome Neon, as empresas operavam de forma separada e independente.

A Control.ly era a responsável por todo o funcionamento sistêmico do Banco Neon, no entanto, os investimentos em CDB que a fintech oferecia sobre o nome de “Objetivos”, o número de uma conta para depósito e transferência e o serviço de cartão de crédito era administrado pelo Banco Neon S/A (antigo Banco Pottencia), visto que pela legislação, esses serviços precisam ser respaldados por um banco brasileiro.

Ontem o Banco Central determinou o fechamento do Banco Neon S/A, segundo as informações, a instituição financeira já estava na mira do BC muito antes de mudar de nome, na época em que chamava-se Pottencial já tinha sido alvo de processos por fraude, um deles envolve o deputado federal João Magalhães, que fora acusado no inquérito 3.027 no STF por crime contra o sistema financeiro nacional, onde ele seria beneficiário de irregularidades dentro do banco referentes ao “deferimento e condução de operações de crédito em desacordo com os princípios da seletividade, garantia, liquidez e diversificação de riscos e ausência de constituição das provisões exigidas para créditos de liquidação duvidosa e ocultação de créditos bem como adoção de práticas irregulares em operações bancárias (folha 5 a 11 do apenso 1)”.

Em 2010, o Banco Pottencial foi acusado de registrar ativos fictícios no valor de R$ 6 milhões de reais, com o objetivo de incrementar artificialmente as receitas do banco, assim como manipulação indevida do dinheiro de seus clientes, que eram colocados sobre empréstimo para a Pottencial Consultoria.

Claro, que diante de todo esse histórico por trás da instituição bancária, nos perguntamos porque a Neon fechou parceria com este banco e deixou tudo isso oculto de todos os seus clientes, segundo a Neon Pagamentos em informe para a InfoMoney, quando a parceria fora fechada, todas as investigações do Banco Pottencial já haviam sido encerradas, as pendências estavam quitadas, as multas estavam pagas, o banco ainda tinha licença para operar e sempre deixou claro os problemas que tinha tido no passado, para a Neon Pagamentos.

Além disso, a Neon Pagamentos deixa claro que a administração das duas empresas ocorria de forma isolada e uma não dava satisfação a outra de seus procedimentos, inclusive dos 600 mil clientes da parceria, apenas mil clientes respondiam ao Banco Neon S/A, o restante era operado e mantido pela Neon Pagamentos.

Infelizmente, apesar dos esclarecimentos e posicionamento da empresa, nada muda o fato que milhares de pessoas foram prejudicadas, todos os clientes que possuíam investimentos em CDB terão que aguardar o pagamento feito pelo FGC, que ainda não possui data e depende que o Banco Neon S/A passe para a ONG a listagem desses clientes e valores devidos.

Todos os clientes que possuíam CDBs pela instituição, devem acompanhar no site da FGC e do próprio Banco Neon a informação de quando será iniciada os pagamentos devidos, é importante ressaltar que não existe data prevista para essa ação, por histórico, a média de tempo é de até 90 dias, os valores são pagos por um banco de confiança determinado pelo FGC e o cliente terá que comparecer na agência mais próxima de sua casa (que será indicada no site) para escolher o recebimento em conta bancária ou em espécie, sem qualquer custo adicional. Vale destacar que desde essa sexta-feira da liquidez do Banco Neon S/A até o momento de ocorrer a devolução dos valores pelo Fundo Garantidor de Crédito, mais nenhum rendimento ocorrerá.

O cartão de crédito não funcionará por enquanto e as contas correntes que possuíam valor, a Neon Pagamentos informa que já está com o sistema estabilizado e os clientes podem usar o cartão de débito ou até mesmo retirar todo o dinheiro, caso desejem.

Também existe a promessa de uma nova parceria em caráter de urgência com outro banco para poder voltar a operar como Banco Neon, mas é inevitável que depois do ocorrido, depois dessas informações e de tantos clientes terem tido seus investimentos prejudicados, tendo agora que aguardar para reaver seus montantes, dificilmente o Banco Neon conseguirá conquistar novamente a confiança.

Disqus Comments Loading...
Compartilhar

Matérias Recentes

Cartão de crédito Méliuz – Cashback em todas as compras – Vale a pena?

Já faz algum tempo que o Méliuz, serviço de cashback em compras, se quer saber mais sobre ele clique aqui,… Leia mais

1 dia ago

Ame Digital – A evolução da conta digital da Americanas e Submarino

O Ame nasceu como uma solução própria do grupo B2W, responsável pela Americanas, Shoptime, Submarino e Sou Barato, para fidelização… Leia mais

2 dias ago

Alfred – O aplicativo para fãs de cinema

Alfred é uma rede social para aqueles que são fãs de cinema, controlado e desenvolvido pela FlixMedia, sua proposta é… Leia mais

2 dias ago

O Que Todo Mundo Precisa Saber sobre Segurança no Linux

Muitas pessoas consideram os sistemas Linux como sendo mais seguros e, em alguns casos, até mesmo “imunes” aos principais vírus… Leia mais

2 semanas ago

C6 Bank – Vale a pena usar o rival do Nubank?

C6 Bank é a nova fintech que pretende concorrer com Inter, Nubank, Neon e outros players o mercado de banco… Leia mais

2 semanas ago

A Internet das Coisas vai revolucionar o cotidiano

Primeiramente vamos deixar claro o que é a IoT, ou Internet das Coisas. Trata-se de um conceito sobre objetos do… Leia mais

3 semanas ago

Utilizamos de cookies e outras tecnologias, para personalizarmos os conteúdos e a publicidade, oferecermos os botões sociais e analisar o tráfego