Categorias: Curiosidades

Como criar um site de forma rápida e simples

A criação de um site não é mais uma tarefa destinada apenas a programadores que conhecem as linguagens e os códigos de programação.

Com a tecnologia cada vez mais desenvolvida e os avanços da  Internet, saber como criar um site é um conhecimento que está ao alcance de todos.

Mas por que ter um site? A resposta é que hoje em dia um site é fundamental para quem possui uma empresa e até mesmo para quem quer ingressar no mercado de trabalho. Ter um site já não é mais um diferencial, é uma necessidade.

Vários profissionais das mais variadas áreas necessitam de um site. A presença online atualmente é fundamental. Por isso, acompanhe nesse artigo as etapas para a criação de um site.

Os passos para você ter o seu site

Antes de você criar um site para o seu negócio você deve ter em mente quais são os seus objetivos.

O seu site será um e-commerce? Será um site para divulgar a sua empresa ou será um site para você divulgar o seu portfólio profissional? Em alguns casos, pode ser um blog.

Enfim, é essencial que você tenha bem definido qual será o seu projeto online. Dessa maneira é mais fácil atingir os resultados que você espera, inclusive podendo gerar retorno financeiro.

Um site, nesse caso, conta com um caráter mais institucional, sendo muito relevante para você divulgar a sua empresa, por exemplo. Já um blog possui um perfil de entretenimento, onde você poderá tratar de algum assunto específico do seu interesse.

A escolha da plataforma

O primeiro passo para a criação do seu site ou blog é optar pela plataforma ideal. Nesse caso, você pode escolher por um Sistema de Gerenciamento de Conteúdo (CMS). Os mais conhecidos atualmente são o Joomla, Drupal e o WordPress.

As três plataformas citadas são gratuitas, sendo que o WordPress é a plataforma mais utilizada hoje em dia, tanto por pessoas já experientes no mundo virtual quanto por iniciantes.

Outra forma para você criar o seu projeto web é utilizar um programa destinado especificamente para a construção de sites, tais como o Wix e o Webnode. Assim como os CMS, os construtores são intuitivos e de fácil assimilação.

A hora de obter a hospedagem e o domínio

Um site necessita de um lugar para ficar “guardado” no espaço virtual. Ele necessita de um lar, de um endereço. Em suma, o site precisa de uma boa hospedagem e também de um domínio. Dessa maneira ele poderá ser encontrado e acessado.

Existem atualmente diferentes tipos de hospedagem de site. Alguns exemplos dessa variedade são a hospedagem compartilhada e a hospedagem em nuvem. Verifique qual é a mais vantajosa para o estilo do seu site.

Em relação ao domínio, é possível afirmar que ele é o endereço do seu site. Por isso, ao fazer um site escolha um domínio curto e de fácil memorização.

A criação do site

Depois que você preparou o terreno chegou o momento de iniciar o trabalho de construção. Sendo assim, vamos utilizar como exemplo a criação de um site utilizando a plataforma WordPress.

De início, efetue a instalação do WordPress. Você pode fazer isso usando o recurso de instalação automática que esse software oferece. Após a realização da instalação, é necessário iniciar a configuração do programa. O processo de configuração consiste em:

Excluir post padrão

Após a instalação do WordPress, uma postagem padrão será realizada por você. Exclua essa postagem indo ao menu “postagens > todas as postagens”. Ao fazer isso, escolha a opção para excluir.

Configurar comentários

Por meio dessa configuração você pode optar se irá permitir comentários em suas postagens, adotar ou não notificações por e-mail e também filtrar ou não determinados tipos de comentários.

Personalizando o seu site

Você deve pensar agora no aspecto visual do seu site. Esse é um passo importante, pois a estética é uma característica importante em se tratando de espaço na Internet. Sendo assim, o WordPress conta com temas personalizáveis. Alguns gratuitos, outros não.

Opte por um tema que seja de acordo com o perfil do seu site. Lembre-se que caso você considere necessário, é possível posteriormente alterar o tema.

Efetue a instalação de plugins

Os plugins são extensões que visam trazer mais facilidades e funcionalidades diferenciadas para o seu site. Portanto, há plugins pagos e gratuitos.

Escolha aqueles que você considerar essenciais. Alguns exemplos de plugins são o Worldfence Security, ideal para manter o seu site livre de invasões. Outro exemplo de plugin é o Google XML Sitemaps, destinado para efetuar a geração automática de sitemaps.

Conclusão

Após a etapa de instalação e configuração, você terá condições de efetuar as suas edições no site, aproveitando recursos como de texto, inserção de imagens, vídeos e slides.

Viu como não é difícil ter um site atualmente? Se você tem uma ideia para investir na Internet crie o seu site. A hora é agora!

Precisa de instruções para configurar seu site do zero? Você pode dar uma olhada neste guia, onde lhe é mostrado passo a passo de como comprar o domínio e configurar sua instalação WordPress.

Disqus Comments Loading...
Compartilhar

Matérias Recentes

Insync 3 – Software traz OneDrive para Linux de forma completa

O OneDrive é uma das opções mais baratas quando falamos em armazenamento em cloud, por R$ 30 ao mês o… Leia mais

8 horas ago

Prime OS – Conheça o sistema Android para PC

Alguns anos atrás, o Remix OS conquistou os holofotes como interessante solução para quem queria usar o Android como sistema operacional para seu notebook… Leia mais

4 dias ago

Baidu apresenta perdas financeiras no primeiro trimestre de 2019

A Baidu não vive um bom momento, após ter tentado ser a Google da China e enxurrar o mercado com… Leia mais

5 dias ago

Spotify oferece 3 meses por valor único de R$1,99

Para quem utiliza outro serviço ou usa apenas a versão gratuita do Spotify, a mais recente promoção tem como o… Leia mais

1 semana ago

Hulu – Disney terá o controle total do serviço de streaming

Em um novo movimento, a Disney prepara-se para tornar única proprietária do serviço de streaming Hulu. (mais…) Leia mais

1 semana ago

Como instalar aplicações Linux no Chrome OS e Cloud Ready

O Chrome OS vem evoluindo e saindo daquele nicho de sistema para “netbooks” em prol de tornar-se um sistema “híbrido”… Leia mais

1 semana ago

Utilizamos de cookies e outras tecnologias, para personalizarmos os conteúdos e a publicidade, oferecermos os botões sociais e analisar o tráfego