Categorias: Tutoriais

Como instalar aplicações Linux no Chrome OS e Cloud Ready

O Chrome OS vem evoluindo e saindo daquele nicho de sistema para “netbooks” em prol de tornar-se um sistema “híbrido” capaz de rodar suas próprias aplicações, aplicações do Android e também do Linux.

Obviamente isso o torna ainda mais interessante e considerando que o constante investimento da Google, o fez ser um sistema relevante principalmente no segmento educacional, sendo comumente adotado por escolas dos EUA, a ponto de fazer a Microsoft correr para lançar uma versão do Windows para concorrer, o projeto Lite OS.

O interessante é que a Google apesar de ter seu Chrome OS baseado no Gentoo (Sim, o Chrome OS sempre foi Linux, tal qual o Android), ela optou por levar o Debian para dentro do sistema, em prol de utilizar pacote deb. Obviamente poderíamos levantar vários questionamentos sobre a decisão, uma vez que em época que falamos de pacotes universais como o snap e flatpak, seria o caminho que imaginamos, no entanto o oferecido pela Google até funciona de forma confortável, de forma gráfica (Apesar de disponibilizar o terminal para quem o quiser).

Apesar do Chrome OS ser um sistema focado em hardwares específicos, pois apesar da Google não produzir suas máquinas como a Apple, o seu sistema é liberado apenas para parceiros e não para download e utilização multiplataforma. Existe o CloudReady, uma versão comercial do Chromium OS (A versão de código aberta que dá origem ao Chrome OS) que leva o sistema para qualquer máquina, inclusive a Neverware, empresa responsável por esta variação, recebeu um grande aporte da própria Google.

Hoje ensinaremos como instalar aplicações do Linux em seu Cloud Ready ou Chrome OS e tornar mais vantajoso o uso do sistema operacional da Google.

O procedimento é muito simples, porém devido a poucas informações, pode gerar dúvidas iniciais.

Existem dois caminhos, iremos pelo que consideramos mais fácil. Baixe o pacote deb da aplicação que você deseja instalar, sim, precisa ser deb e precisa ser baixado de algum site, uma vez que o Chrome OS não disponibiliza uma loja de aplicações do Linux ou a integra com a Chrome OS. Existe uma forma de ter uma loja de aplicações Linux no Chrome OS, a qual ensinaremos em outra matéria.

Uma vez baixado o pacote deb, vá até o gerenciador de arquivos e clique duas vezes sobre o arquivo baixado, uma janela lhe convidará para baixar e instalar o Linux em seu Cloud Ready ou Chrome OS, essa atividade baixará 300MB e demandará algum tempo para a conclusão.

Tela de instalação do “Linux” no Chrome OS / CloudReady

Uma vez terminado, um ícone de VM e do terminal surgirá em seu sistema, sim, o Chrome OS usa uma emulação do Debian para rodar as aplicações, mas não se preocupe, ela funciona de forma integrada e transparente para o usuário, você nunca precisará clicar na VM ou efetuar configurações.

A partir de agora, tudo que você precisa fazer é clicar duas vezes sobre pacotes deb, surgirá uma janela do sistema, com as informações do software á ser instalado e com o botão para seguir com a instalação. Ao clicar, uma barra será exibida na notificação, chamada de “Instalação de aplicativos Linux”, ao concluir ela dará o aviso e a aplicação passará a ser exibida no menu do Chrome OS, sendo executada como outra aplicação convencional do sistema.

Suíte LibreOffice instalada e funcionando no Chrome OS / Cloud Ready

Notamos que a instalação tende a ser bem demorada, se você está acostumado com distribuições Linux convencionais, onde a instalação de softwares é quase que imediata, irá achar um tanto quanto lento o processo. Além disso, provavelmente devido ao processo de emulação, a abertura dessas aplicações também é bem mais demorada. Ao menos a execução e comportamento é integrado ao sistema e tirando o retardo de execução, não há como dizer que são aplicações emuladas.

Por fim, vale destacar que essa é uma funcionalidade ainda em fase beta e que ao longo de atualizações tende a melhorar, inclusive uma das promessas da Google é justamente melhorar o tempo de execução.

Disqus Comments Loading...
Compartilhar

Matérias Recentes

Base notebook refrigeradora NBC50 da C3Tech – Vale a pena?

Para quem utiliza notebook em sua dia a dia, uma base é bem vinda para coloca-lo em uma posição adequada… Leia mais

17 horas ago

Kemp Technologies é selecionada parceira Dell EMC

A Kemp Technologies, anunciou sua validação como parceira Dell EMC. A Kemp vai acelerar a distribuição de implementações da plataforma… Leia mais

4 dias ago

Sensor biométrico da HID é o primeiro a ter todos os requisitos de segurança da Colombia

A HID Global divulgou que o modelo de sensor multiespectral Lumidigm® V421-NC-01, recebeu no início de 2019 a homologação do… Leia mais

4 dias ago

Mozilla apresenta novo logotipo e estratégia para o Firefox

A Mozilla tem planejado uma reestruturação completa para a marca Firefox, e quando falamos em marca é justamente porque não… Leia mais

5 dias ago

Tema escuro na MIUI Android? Conheça os melhores temas

Apesar da MIUI ainda não contar com um tema escuro nativo, sendo este um recurso previsto para a próxima versão… Leia mais

1 semana ago

A ascensão dos ciberataques: os cibercriminosos estão no controle?

A cada ano, o número de ciberataques aumenta. Só em 2018 registrou-se aumento de 217,5% nestes ataques, se não conseguirmos… Leia mais

2 semanas ago

Utilizamos de cookies e outras tecnologias, para personalizarmos os conteúdos e a publicidade, oferecermos os botões sociais e analisar o tráfego