Categorias: Linux Tutoriais

Como usar a NordVPN no Ubuntu com interface gráfica

Em um momento que privacidade e segurança tornam-se assuntos mais discutidos, logo pensamos em como melhorarmos nossos requisitos, de forma a nos protegermos de algumas situações. Uma das camadas de segurança que podem ser adicionadas em nosso dia a dia, é uma VPN, caso não saiba o que é uma VPN, clique aqui para ver nossa matéria sobre o assunto.

Porém ao adotar uma VPN você precisa ter determinado nível de confiança no serviço utilizado, isso porque ele passará a ser o detentor dos seus dados de navegação, colocando todo o seu tráfego em uma estrutura criptografada e mantida por ele. Diante disso, VPN gratuitas não são a melhor opção, estas costumam guardar suas informações e as repassar para parceiros, monetizando desta forma o serviço.

Entre as opções recomendadas de VPN, temos a NordVPN, com diversos recursos, suporte nativo para Linux, Android, IOS, Windows e Mac, com preços acessíveis e com diversas modalidades de pagamento, facilitando a vida de quem não tem um cartão de crédito.

A NordVPN possui uma aplicação oficial para Linux, sendo que até a tem empacotada em deb para o Ubuntu, Debian e derivados. O problema é que a ferramenta oficial não possui uma interface gráfica, funcionando totalmente por linha de comando.

Porém o Ubuntu possui nativamente uma ferramenta gráfica para gerenciamento de VPN e o NordVPN pode ser facilmente e rapidamente integrado a ela, ensinaremos a seguir.

O primeiro passo é escolher o servidor que você deseja usar da NordVPN, para isso, acesse esse link da Nord e escolha o país desejado, ou seja, o país que você deseja que seja reconhecido sua navegação de origem.

Uma vez escolhido, clique em “Show available protocols” exibido abaixo do servidor recomendado para você.

Vá até a opção OpenVPN TCP e clique em “Download config”, salve o arquivo em sua máquina.

Agora abra o menu de configurações do Ubuntu e vá em “Rede”, na opção VPN, clique no botão “+”.

Uma nova janela será exibida, selecione a opção “importar de arquivo” e importe o arquivo que você baixou anteriormente.

Agora você será direcionado para uma tela com diversas informações já preenchidas, onde haverá um campo com login e senha, coloque o seu usuário e senha da NordVPN, depois clique em “Adicionar” no topo da janela.

No campo “Nome” no topo da tela, você pode alterar á sua escolha

Feito isso a VPN já está pronta para uso, no menu de rede do Ubuntu, lá na barra superior, será exibida a sua VPN, você só precisa clicar em “ligar” para utilizar e “desligar” quando não quiser usar a NordVPN.

Sempre que você estiver conectado, um ícone “VPN” será exibido na barra superior do Ubuntu

Interessante destacar que caso você queira ter mais de um servidor ou região para utilização, este passo a passo deve ser feito com cada servidor desejado, eles ficaram listados em seu Ubuntu e você precisará apenas escolher qual deseja ativar.

Se ainda não tem a NordVPN, aproveite para assinar clicando aqui, o serviço oferece assinaturas mensais e preços diferenciados para assinaturas anuais. Em breve publicaremos uma review sobre seus recursos e funcionamento.

Disqus Comments Loading...
Compartilhar

Matérias Recentes

Baidu apresenta perdas financeiras no primeiro trimestre de 2019

A Baidu não vive um bom momento, após ter tentado ser a Google da China e enxurrar o mercado com… Leia mais

2 horas ago

Spotify oferece 3 meses por valor único de R$1,99

Para quem utiliza outro serviço ou usa apenas a versão gratuita do Spotify, a mais recente promoção tem como o… Leia mais

2 dias ago

Hulu – Disney terá o controle total do serviço de streaming

Em um novo movimento, a Disney prepara-se para tornar única proprietária do serviço de streaming Hulu. (mais…) Leia mais

3 dias ago

Como instalar aplicações Linux no Chrome OS e Cloud Ready

O Chrome OS vem evoluindo e saindo daquele nicho de sistema para “netbooks” em prol de tornar-se um sistema “híbrido”… Leia mais

4 dias ago

O Linux estava certo e a Microsoft percebeu

Não é muito difícil vermos pessoas que, ou por não gostar, ou por não terem contato, rotularem as distribuições Linux… Leia mais

1 semana ago

Rappi – Nossa experiência com o aplicativos de entrega

O Rappi é uma startup colombiana com o propósito de entregar de tudo, atualmente é uma das mais relevantes neste… Leia mais

2 semanas ago

Utilizamos de cookies e outras tecnologias, para personalizarmos os conteúdos e a publicidade, oferecermos os botões sociais e analisar o tráfego