Categorias: Analise Linux

Ubuntu Kylin – Conheça a versão chinesa do Ubuntu


Ubuntu Kylin é uma versão oficial do Ubuntu, moldada pela própria Canonical para o mercado chinês, em suma, é o produto da Canonical para atender aos costumes chineses em design e softwares.

Por incrível que pareça, o Ubuntu Kylin acaba sendo mais bonito que a versão tradicional da distribuição, sabemos que dentro de alguns anos teremos uma total remodelação com a chegada do Unity 8, mas por enquanto, quando comparamos o trabalho que a Canonical faz com o Unity 7 no Ubuntu e no Ubuntu Kylin, os chineses ganharam em alguns pontos.

O splash é diferenciado e apesar de mais “animado”, o original é mais bonito e agradável, mas ao chegar na tela de login do LightDM, vemos um belo uso de cores em azul, a interface de usuários também foi totalmente modificada, optando por algo mais parecido com o KDM, aqui vejo que tanto a opção original como a do Kylin são bonitas e bem definidas.

Após o login notamos mais algumas diferenças, o Kylin tem seu próprio tema de ícones, esses que além de serem mais bonitos que os entregues para o ocidente, contemplam uma infinidade de aplicações instaladas posteriormente no Ubuntu, mantendo a harmonia do tema entregue pela Canonical.

O Unity por padrão vem na parte inferior da tela ao invés de estar na lateral e infelizmente a única maneira de trocar sua posição é efetuando a alteração no conf do sistema.

As diferenças do Ubuntu Kylin não ficam apenas em temas e modificações visuais, alguns softwares diferenciados também são entregues. A central de aplicativos é totalmente personalizada, enquanto a LTS 16.04 para o ocidente utiliza a mesma loja desenvolvida pela equipe do Gnome, os chineses ficaram com uma desenvolvida especialmente para eles, quem conhece o Deepin, vai perceber uma similaridade visual. A loja de aplicativos do Kylin é bem colorida, com predominância do azul, com uma barra lateral contendo o menu, disposto em ícones e texto (Esse em chinês).

Sessão da loja, ajuda o usuário a migrar do Windows para o Ubuntu

A loja possui um menu para desinstalar qualquer software que fora posto no Ubuntu, com uma organização em grade, com ícone e descrição das aplicações, bastando passar o mouse por cima para surgir o botão de desinstalação, o mesmo ocorre para as instalações. Apesar da loja estar totalmente em chinês, o nome dos softwares permanecem em inglês, algumas vezes com o nome em chinês ao seu lado. No entanto existe a exceção para softwares presentes na loja que são exclusivamente chineses, esses não possuem qualquer tradução para inglês.

Uma ponto interessante ainda na loja do Ubuntu Kylin é uma sessão denominada de Windows, ali são dispostos diversos softwares do Windows e sua opção para o Ubuntu, passando o mouse por cima é possível instalar. Por exemplo, ao procurar pelo Internet Explorer, a loja oferece o Chromium em seu lugar, ao procurar pelo Microsoft Office é ofertado o WPS (Apesar disso o LibreOffice continua sendo o padrão da instalação), nero é oferecido o Brasero e assim por diante.

Outro software “exclusivo” dessa versão é o Youker Assistent que oferece um limpador rápido e prático de sistema, excluindo cache, histórico e demais informações do Firefox e Chromium, além de particularidades do sistema. O Youker também oferece diversas configurações de personalização, incluindo mudança de ícones, temas e fontes, dispensando o uso de softwares como o Unity Tweak, por fim ele também conta com um modo para deletar definitivamente diretórios e arquivos, evitando que possam ser recuperados.

Software encontrado apenas na versão chinesa

Vale destacar que ao contrário da versão do ocidente, o Kylin conta com dois navegadores por padrão, após a instalação o usuário tem o Firefox e o Chromium já instalados, outra opção que também vem como nativa é um app para clima, entregando diversas informações do clima do local diretamente na barra de ferramentas, no entanto ele está totalmente em chinês.

Sabemos que dizer se algo é ou não mais bonito, fica pelo gosto de cada um, mas apesar de termos gostado da escolha de cores, do tema de ícones (Que retira o contorno da barra do Unity, como temas de terceiros costumam fazer), não aprovamos o tema adotado para as janelas, o Radiance acaba sendo uma opção mais elegante quando comparado com o visual adotado no contorno das janelas do Kylin, mas como abordado anteriormente o Kylin conta nativamente com a opção de troca de temas, resolvendo-se tal assunto rapidamente ao abrir o Youker.

No restante o Kylin é o Ubuntu que você conhece, com as mesmas atualizações, suporte a diversos idiomas, as mesmas funcionalidades e assim por diante. Se quiser experimentar o Ubuntu Kylin, você pode baixá-lo clicando no botão que está no topo desta matéria e depois nos contando o que achou da experiência.

Disqus Comments Loading...
Compartilhar

Matérias Recentes

Base notebook refrigeradora NBC50 da C3Tech – Vale a pena?

Para quem utiliza notebook em sua dia a dia, uma base é bem vinda para coloca-lo em uma posição adequada… Leia mais

22 horas ago

Kemp Technologies é selecionada parceira Dell EMC

A Kemp Technologies, anunciou sua validação como parceira Dell EMC. A Kemp vai acelerar a distribuição de implementações da plataforma… Leia mais

4 dias ago

Sensor biométrico da HID é o primeiro a ter todos os requisitos de segurança da Colombia

A HID Global divulgou que o modelo de sensor multiespectral Lumidigm® V421-NC-01, recebeu no início de 2019 a homologação do… Leia mais

4 dias ago

Mozilla apresenta novo logotipo e estratégia para o Firefox

A Mozilla tem planejado uma reestruturação completa para a marca Firefox, e quando falamos em marca é justamente porque não… Leia mais

5 dias ago

Tema escuro na MIUI Android? Conheça os melhores temas

Apesar da MIUI ainda não contar com um tema escuro nativo, sendo este um recurso previsto para a próxima versão… Leia mais

1 semana ago

A ascensão dos ciberataques: os cibercriminosos estão no controle?

A cada ano, o número de ciberataques aumenta. Só em 2018 registrou-se aumento de 217,5% nestes ataques, se não conseguirmos… Leia mais

2 semanas ago

Utilizamos de cookies e outras tecnologias, para personalizarmos os conteúdos e a publicidade, oferecermos os botões sociais e analisar o tráfego