Categorias: News

Play Store pode passar a vender audiobooks e receber novas funções

A Google continua investindo pesado no ecossistema Android, mostrando que não está disposta a perder o mercado que domina atualmente. A próxima atualização da Playstore, promete grandes mudanças na loja oficial da Google.

A principal novidade é o início da comercialização de audiobooks, a Play Store atualmente comercializa músicas, revistas, livros, aplicativos e filmes, porém os audiobooks não tinham ganhado seu espaço e isso começa a mudar.

No entanto todo o conteúdo que hoje é vendido da PlayStore, pode ser gerenciado e consumido por aplicativos independentes, como ocorre com a Play Banca, Play Books, Play Music e Play Filmes, deixando a dúvida se os audiobooks receberão um aplicativo próprio ou serão integrados a um dos existentes, com possibilidade de ser o Play Books ou Play Filmes.

Mas as novidades continuam e o sistema de notificações da Play Store deve receber novidades, hoje a loja é capaz de notificar o usuário quando tem atualizações pendentes ou foi disponibilizado um lançamento em que você estava no pré-registro. A intenção da Google é aumentar as notificações para que seja possível informar o usuário sobre mudança em termos de uso, convites para testes beta e mudanças críticas.

Hoje a PlayStore oferece a possibilidade de atualizar tudo automaticamente a qualquer momento, atualizar tudo apenas quando estiver em rede WIFI, ou simplesmente não atualizar automaticamente e esperar você confirmar a atualização. Uma nova opção deve chegar para as configurações da loja, permitindo que o usuário opte por atualizações automáticas apenas para os aplicativos do sistema, enquanto os demais aguardam sua confirmação.

Por fim, uma novidade que pode não ser tão agradável para quem ainda sofra com pequenos pacotes de dados é a remoção do aviso que você não está em uma rede WIFI, ao baixar um aplicativo de maior tamanho, como jogos. Atualmente, quando a loja verifica que o conteúdo a ser baixado passou dos 100MB, o usuário recebe um aviso na tela que está fora de uma rede WIFI e o download poderá gerar custos, tendo assim, que concordar, cancelar ou optar pelo aguardo de uma rede WIFI.

A remoção deste aviso, pode estar ocorrendo por diversos motivos, entre eles devido ao crescimento dos pacotes de dados oferecidos, má recepção do usuário quando ao passo extra no download, entre outros. No entanto, a função era muito útil aos desatentos que chegaram em casa e não perceberam que ainda estão usando o pacote de dados.

Todas essas novidades, foram encontradas pela equipe do Android Police, ao desvendar o código da Play Store, portanto, algumas podem não tornar-se realidade, restando apenas aguardarmos para ver quais delas serão realmente ativadas.

Disqus Comments Loading...
Compartilhar

Matérias Recentes

2,8 bilhões em fraudes evitadas com avaliação de risco de e-mails

Para combater o crescimento do número de tentativas de fraudes online, que têm custado bilhões de dólares às companhias anualmente,… Leia mais

18 horas ago

Cartão de crédito Méliuz – Cashback em todas as compras – Vale a pena?

Já faz algum tempo que o Méliuz, serviço de cashback em compras, se quer saber mais sobre ele clique aqui,… Leia mais

2 dias ago

Ame Digital – A evolução da conta digital da Americanas e Submarino

O Ame nasceu como uma solução própria do grupo B2W, responsável pela Americanas, Shoptime, Submarino e Sou Barato, para fidelização… Leia mais

2 dias ago

Alfred – O aplicativo para fãs de cinema

Alfred é uma rede social para aqueles que são fãs de cinema, controlado e desenvolvido pela FlixMedia, sua proposta é… Leia mais

3 dias ago

O Que Todo Mundo Precisa Saber sobre Segurança no Linux

Muitas pessoas consideram os sistemas Linux como sendo mais seguros e, em alguns casos, até mesmo “imunes” aos principais vírus… Leia mais

2 semanas ago

C6 Bank – Vale a pena usar o rival do Nubank?

C6 Bank é a nova fintech que pretende concorrer com Inter, Nubank, Neon e outros players o mercado de banco… Leia mais

2 semanas ago

Utilizamos de cookies e outras tecnologias, para personalizarmos os conteúdos e a publicidade, oferecermos os botões sociais e analisar o tráfego