Correios não vão mais transportar Smartphones, Notebooks e baterias
News

Correios não vão mais transportar Smartphones, Notebooks e baterias

Uma recente decisão dos Correios pode impactar negativamente o comércio de eletrônicos, isso porque a estatal anunciou que a partir de 31 de janeiro deste ano, deixará de efetuar o transporte de baterias de lítio, em alguns casos, mesmo quando acopladas a um eletrônico.

Na prática baterias individuais não mais serão transportadas pelos Correios de forma alguma, para eletrônicos existem algumas exceções que permitem seu transporte, a primeira regra é que a bateria deve estar acoplada no dispositivo e está proibida para a modalidade Sedex Nacional, e com restrições no Sedex Estadual para os trechos entre Manaus e Carauari/Eurinepé/Envira/Tabatinga/São Paulo de Olivença e Tefé, Belem para Santarém, Recife para Fernando de Noronha e Rio Branco para Porto Walter/Marechal Thaumaturgo/Jordão e Santa Rosa dos Purus.

Trechos proibidos para o transporte de equipamentos com baterias e pilhas


Segundo os Correios, a decisão vem para atender as recomendações de segurança da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), que agora em Janeiro publicou uma relação de objetos perigosos para transporte em aeronaves.

A Estatal também aponta que não haverá fiscalização invasiva, visto que os Correios não são órgãos de fiscalização, o controle será feito no momento da postagem, onde o operador efetuará algumas perguntas e verificará se é possível enviar o equipamento naquele trajeto. Empresas que possuem contrato com os Correios já estão sendo notificadas sobre a nova restrição.

Na prática a decisão impacta diretamente o E-Commerce, já que os serviços dos Correios são comumente utilizados pela grande maioria das lojas que não mais poderão vender baterias avulsas e ficarão limitadas no envio de smartphones, tablets, notebooks e demais eletrônicos que usam baterias.

Fonte: E-Commerce Brasil

Please follow and like us:
RSS
Follow by Email
Facebook
Facebook
Twitter
YouTube
YouTube