Categorias: News

Onavo – Facebook encerra o seu aplicativo de VPN

O Facebook decidiu encerrar o Onavo, seu aplicativo para VPN em dispositivos móveis, com o intuito de proteger-se das acusações de roubo de dados de uma investigação promovida pelo TechCrunch.

O TechCrunh havia evidenciado em uma matéria que o Facebook vinha utilizando o Onavo para coletar dados dos usuários e desta forma os utilizar para entender seus comportamentos, analisar possíveis concorrentes do mercado e tendências do mercado. Teria sido, inclusive é apontado que com as coletas de dados promovidas pelo Onavo, o Facebook teria tomado a decisão de comprar o WhatsApp.

O mais estranho é que o Facebook promovia o Onavo como uma VPN segura para suas informações pessoais e uma forma de limitar que empresas tivessem acesso a seus dados, porém ele acabava sendo utilizado pelo Facebook para fazer justamente isso.

É interessante lembrar que o Linux Centro já havia destacado no passado os problemas de privacidade da VPN Onavo, em uma matéria de 2018, que você pode conferir clicando aqui, destacamos o quanto invasiva era as cláusulas nos termos de privacidade da aplicação e que deixava claro que realmente haveria essa coleta de informações para utilização pelo Facebook.

O Onavo já foi removido da PlayStore e para os usuários que a possuem instalada, ela funcionará por mais um tempo, permitindo que busquem alternativas em VPN (Aqui no Linux Centro já comentamos sobre algumas VPN’s gratuitas).

Para suprir a coleta de dados promovida pelo Onavo, o Facebook pretende investir em seu sistema de pesquisas remunerado, este que já funciona em alguns países, tem uma posição mais clara de seu objetivo e devolve para o usuário valores monetários, em troca de algumas respostas referentes a serviços ou lugares (Algo similar ao Google Rewards). Apesar do serviço de pesquisas do Facebook também já ter enfrentado problemas no passado, por ser acusado de funcionar de forma obscurecida e abusar do programa de certificação empresarial da Apple destinado a funcionários, chegando a ser bloqueado e proibido pela Apple.

Disqus Comments Loading...
Compartilhar

Matérias Recentes

Baidu apresenta perdas financeiras no primeiro trimestre de 2019

A Baidu não vive um bom momento, após ter tentado ser a Google da China e enxurrar o mercado com… Leia mais

2 horas ago

Spotify oferece 3 meses por valor único de R$1,99

Para quem utiliza outro serviço ou usa apenas a versão gratuita do Spotify, a mais recente promoção tem como o… Leia mais

2 dias ago

Hulu – Disney terá o controle total do serviço de streaming

Em um novo movimento, a Disney prepara-se para tornar única proprietária do serviço de streaming Hulu. (mais…) Leia mais

3 dias ago

Como instalar aplicações Linux no Chrome OS e Cloud Ready

O Chrome OS vem evoluindo e saindo daquele nicho de sistema para “netbooks” em prol de tornar-se um sistema “híbrido”… Leia mais

4 dias ago

O Linux estava certo e a Microsoft percebeu

Não é muito difícil vermos pessoas que, ou por não gostar, ou por não terem contato, rotularem as distribuições Linux… Leia mais

1 semana ago

Rappi – Nossa experiência com o aplicativos de entrega

O Rappi é uma startup colombiana com o propósito de entregar de tudo, atualmente é uma das mais relevantes neste… Leia mais

2 semanas ago

Utilizamos de cookies e outras tecnologias, para personalizarmos os conteúdos e a publicidade, oferecermos os botões sociais e analisar o tráfego