Manjaro Linux ganha seu super notebook - Linux Centro
News

Manjaro Linux ganha seu super notebook

Já usou o Manjaro? Essa distribuição nasceu com o intuito de facilitar a utilização do Arch Linux, em poucas palavras, ser um “ubuntu” do mundo Arch, facilitando seu uso para o usuário final.

A distro caiu nas graças do público e hoje tem relevância no cenário de distribuições, para a alegria de seu público, uma boa novidade chega ao mercado, um notebook pensado exclusivamente para o Manjaro.

Estamos falando da Station X Spitfire Manjaro Special Edition, essa máquina é produzida pela fabricante Russa Station e promete ser a máquina definitiva para os usuários do Manjaro.

Segundo a equipe de desenvolvimento do Manjaro, a diferença dessa máquina para qualquer outra que tenha a distribuição instalada é que o trabalho foi feito em conjunto e os desenvolvedores fizeram uma versão exclusiva para o hardware da máquina, com algumas modificações no Kernel e tema do XFCE, otimização de bateria, som e CPU, em suma, o casamento de hardware e sistema dedicado.

Porém a máquina não será vendida apenas com a versão especial do Manjaro, quem preferir outra distribuição poderá escolher no momento da compra, opções como Ubuntu, Debian, Linux Mint e assim por diante.

Vendida como a assassina de MacBook, a Station X é vendida em seu modelo básico, por 850 euros, essa opção traz um Intel I5 de sétima geração, 8GB de RAM DDR4, 128GB de SSD, chassi de aluminio, USB 3.0, Intel HD Graphics 610/620 e conexões HDMI e Display Port. O usuário pode aumentar a memória RAM para até 32GB, ter um armazenamento híbrido de até 500GB de SSD e 1TB de HDD e trocar o processador por um Intel I7 de sétima geração, obviamente, com acréscimos no valor.

Vale como observação que a Station vende um teclado personalizado, trocando o ícone do super botão que normalmente possui o logo do Windows, para o símbolo de sua distribuição preferida ou o Tux.

Infelizmente a máquina só é enviada para alguns países da Europa e Estados Unidos, porém, caso seja de seu interesse e vontade, ainda é possível usar serviços de caixa postal que fazem a intermediação de compras internacionais.